feriados

Calendários alemães

Hoje, 4 de Abril, é o dia mais importante do ano, no mundo inteiro (embora poucas pessoas saibam). Hoje é nada mais nada menos do que…. o meu aniversário! Posts sobre aniversários e aniversários redondos (20, 30, 40…) eu já escrevi, mas esses dias me ocorreu que falta um post sobre calendários. E cai bem com o tema aniversário, então pronto!

A primeira coisa que você vai notar de diferente nos calendários alemães é que a semana começa na segunda-feira e não no domingo como no Brasil. Aparentemente na Europa inteira é assim, enquanto que no continente americano a semana começa no domingo. Achei até um mapa a respeito:

Unbenannt-1 Kopie

Em vermelho, os países onde a semana começa na segunda feira. Em azul, países onde a semana começa no domingo. Em amarelo, países onde a semana começa no sábado.

Acostumar com calendários começando na segunda-feira com certeza é bem mais fácil que acostumar com eles começando aos domingos. É, começar na segunda faz sentido e deixa a semana bem mais evidente. Gosto.

Agora uma coisa difícil de acostumar, e importante, é que os alemães numeram as semanas do ano. Até aí tudo bem, exceto que eles realmente usam essa numeração. Quando é pra se referir a alguma semana do ano que não seja a semana passada, essa semana ou a semana que vem, usa-se o número da semana. Por exemplo, você compra um sofá, quando vai chegar o sofá? Vai chegar na 20. KW (KW = Kalenderwoche), a 20a semana do ano. Quando a data não é precisa – não é um dia específico mas uma semana – e não na semana que vem, então em vez de dizer “daqui a 6 semanas” eles dizem “na semana número tal”.

É extremamente confuso quando você não está acostumado. Mas quando todos os calendários mostram o número das semanas, fica fácil. Agora, por exemplo, estamos na 14a semana. Aparentemente meu aniversário cai sempre na 14a semana, exceto quando cai num domingo. Aí é na 13a semana. Exceto se cair num domingo, mas em ano bissexto. Aí é na 14a semana, mesmo. Isso considerando que a semana começa na segunda. Eis aqui um calendário de todos os anos com semanas numeradas para caso você fique curioso de saber em que semana do ano o seu aniversário cai.

Aliás, agora que você sabe disso, talvez esteja olhando pro seu calendário de mesa e se perguntando: mas qual é a primeira semana do ano? Pensando um pouco no assunto você logo percebe que existem três possíveis definições: ou é a semana em que cai o dia 1o de Janeiro, ou é a primeira semana completa do ano, ou é a primeira semana em que mais da metade dos dias estão em Janeiro. Lógico que a definição alemã é a mais complicada, ou seja, essa última. Na verdade tem três maneiras de definir que dão o mesmo resultado: a primeira semana do ano é a seamana com a primeira quinta-feira do ano, ou é a semana em que cai o dia 4 de Janeiro, ou é a semana com mais da metade dos dias sendo em Janeiro e não dezembro. Qualquer uma dessas definições dá na mesma: a semana com a primeira quinta-feira do mês é certamente também a semana do dia 4 de Janeiro, que também certamente é uma semana em que pelo menos 4 dias são dias de Janeiro e não Dezembro.

Não resisti e fiz um diagraminha básico:

IMG_6560

No diagrama, tem 7 opções de semanas em que começa o ano, A a G. Em azul os dias de Janeiro, em vermelho os dias de Dezembro. As opções A, B, C e D contam como semana número 1 do ano. Elas são as semanas em que mais da metade dos dias são dias de Janeiro, onde o dia 4 aparece, e onde cai a primeira quinta-feira do ano. As opções E, F e G são as três alternativas em que a semana com o dia 1o de Janeiro não é considerada a semana número 1 do ano, mas a última semana do ano anterior. Saca? Pois bem.

Eis aqui um típico calendário alemão.

IMG_6556.JPG

Calendários desse tipo, com propaganda de algum fabricante de alguma coisa decoram as paredes de todo e qualquer escritório na Alemanha. Acho que é o formato mais padrão de calendário que tem por aqui. O calendário mostra o mês anterior, o mês atual, e os dois meses seguintes. Os números em cinza, na coluna da esquerda, são os números das semanas do ano. Em vermelho os domingos e feriados. Em rosinha estão os feriados que não valem para a Alemanha toda mas só para alguns estados. E pequenininho do lado dos dias aparecem também os países da europa em que aquele dia é feriado.

E já que estamos falando de calendários, convém também falar sobre dias úteis e dias corridos. Em alemão, dias úteis chamam-se Werktage, e são os dias entre segunda e sábado, incluindo sábado. Não são Werktage domingos ou feriados. Dias corridos chamam-se Kalendertage, todos os dias do calendário. Além desses são também importantes os termos Bankarbeitstag, Geschäftstag e Arbeitstag. Bankarbeitstag e Geschäftstag são sinônimos e referem-se aos dias da semana sem contar nem sábado, nem domingo (E, claro, também excluindo os feriados). Ou seja, segunda a sexta são Bankarbeitstage ou Geschäftstage. Arbeitstag refere-se aos dias de trabalho de acordo com o seu contrato de trabalho. Então podem incluir fins de semana ou não, para cada pessoa é uma coisa diferente. Eu trabalho de segunda a sexta, então pra mim Arbeitstage são só os dias entre segunda e sexta e excluindo feriados. Portanto Arbeitstag não é um termo que você possa usar pra definir uma quantidade de dias. Tipo, você não poderia dizer “a encomenda será entregue em 2 a 3 Arbeitstage” pq o termo depende do trabalho de cada um. Pra isso tem que usar Werktage ou Geschäftstage.

Um post sobre todos os feriados válidos na Alemanha (incluindo os feriados de cada estado específico) eu escrevi já há um tempo e você pode lê-lo aqui. Em alguns países, quando um feriado cai num domingo, ou num dia em que você normalmente não trabalha (sábado ou domingo para a maioria das pessoas), ele tem que ser compensado no próximo dia útil. Há alguns políticos e partidos discutindo a possibilidade de implantar esse sistema na Alemanha, mas por enquanto aqui é como no Brasil: quando o feriado cai no domingo, azar. Por algum motivo (ou sou só eu?) a gente está acostumado, no Brasil, a pensar em feriados como um favor, um presente. Então a idéia de compensar um feriado caído num fim de semana não faz nenhum sentido, pareceria uma indulgência exagerada. Mas na verdade faz todo sentido: por que em alguns anos você trabalha mais dias (se alguns feriados caíram no fim de semana) mas recebe o mesmo salário? Por que o seu empregador deveria receber esses dias trabalhados de graça? Seria sensato compensar os feriados perdidos e trabalhar todos os anos exatamente a mesma quantidade, pelo mesmo salário. Sou a favor.

Mas enfim! Acho que é isso o que tem a ser dito sobre calendários na Alemanha.


(Publicado em 4 de Abril de 2018)

Feriados alemães

Sempre útil de saber quando se está morando em outro país são os feriados públicos lá observados. Vou fazer uma lista dos feriados alemães e falar um pouquinho de cada um deles.

Mas antes, um detalhe: há algumas diferenças entre os diferentes estados da Alemanha. Alguns observam feriados que outros não observam. Para cada feriado, vou colocar um mapinha mostrando em quais estados alemães ele é válido. O melhor estado para se morar, se você gosta de feriados (e se você não gosta você deve ser uma pessoa bem triste), é a Bavária. Lá observa-se 14 feriados públicos durante o ano. Os estados com menos feriados (9) são Berlin, Bremen, Hamburgo, Schleswig-Holstein e a Baixa-Saxônia. E pra quem não sabe qual estado é qual, um primeiro mapa com os nomes dos estados todos, capitais e outras cidades importantes (pretendo escrever um post falando um pouco de cada estado, qualquer hora dessas):

Estados alemães

Ok… na ordem cronológica com data, nome em português e nome em alemão:
(tem uma listinha resumida com os feriados desse ano no final do post)

1˚ de Janeiro – Dia da Fraternidade Universal – Neujahr

map-gesamt

Primeiro de Janeiro, como no Brasil e em várias partes do mundo, é feriado na Alemanha inteira. Não tem o que falar sobre esse feriado que todo mundo conhece, então bora pro próximo:


6 de Janeiro – Três Reis Magos – Heilige Drei Könige

map-6-1

Dia 6 de Janeiro é o dia dos Três Reis Magos. Esse feriado religioso comemora-se nos dois estados mais católicos da Alemanha – Bavária e Baden-Württemberg – e também na Alta-Saxônia por algum motivo qualquer. É um feriado ótimo pra dar uma alongada nas férias de Natal, uma pena que não é feriado aqui na Saxônia! 😦


Sexta-feira Santa – Karfreitag

map-gesamt

A sexta-feira antes da Páscoa, que cai em algum momento de Março ou Abril, é feriado na Alemanha toda.

Feriados que caem no Domingo aqui não têm muito significado porque de domingo é proibido por lei abrir o comércio de qualquer maneira. Então não faz muita diferença pra ninguém se é feriado ou não, as lojas estarão fechadas de qualquer maneira, e se você trabalha de domingo é pq você tem um emprego em que trabalharia de feriado também.


Segunda-feira de Páscoa – 
Ostermontag

map-gesamt

A parte legal da páscoa é que a segunda-feira seguinte também é feriado, e na Alemanha toda! O post sobre a páscoa na Alemanha foi um dos primeiros posts que eu escrevi nesse blog e você pode lê-lo aqui. Como os feriados aqui nunca emendam – nem na escola nem no trabalho – a páscoa é uma das poucas oportunidades de tirar 4 dias seguidos de folga (sem ser férias, claro). Boa oportunidade pra dar uma viajada por aí!


1˚ de Maio – Dia do Trabalho – Tag der Arbeit

map-gesamt

O Dia do Trabalho também é comemorado aqui na Alemanha, em todos os estados. É um dia tradicionalmente usado pelos sindicatos para manifestações e coisas do tipo. Há também alguns outros costumes relacionados ao 1˚ de Maio como a árvore de maio – moços decoram uma bétula (uma árvore típica daqui) com fitas coloridas e coloca na frente da janela da sua amada na noite do dia 30 de Abril para 1˚ de Maio – e entrar em Maio dançando – ir numa balada e dançar a noite inteira para comemorar a chegada da primavera. Falei dessas tradições nesse post aqui.


Dia da ascenção de Jesus – Christihimmelfahrt 

map-gesamt

O Dia da Ascenção de Jesus é comemorado na Alemanha inteira, 39 dias após o domingo páscoa. Cai sempre numa quinta-feira. Nessa data comemora-se aqui na Saxônia, extra-oficialmente, o Dia dos Homens – Männertag. É uma comemoração tão estúpida quanto o nome dá a entender, escrevi sobre ela aqui. Também é esse dia que é considerado aqui o dia dos pais.


Pentecostes – Pfingsten

map-gesamt

5o dias após a Páscoa comemora-se na Alemanha toda o Pentecostes – o dia em que o Espírito Santo desceu sobre os apóstolos e sobre Maria (disse o Wikipedia). Mais um feriado religioso que é comemorado tanto no domingo quanto na segunda-feira seguinte. Cai em Maio ou Junho dependendo do ano, uma semana e meia depois do feriado anterior, o da Ascenção de Cristo.


Corpus Christi – Fronleichnam

map-fronleichnam

Corpus Christi existe como feriado por aqui também, mas apenas em alguns estados: Bavária, Baden-Württemberg, Alta-Saxônia, Saarland, Hessen, Rheinland-Pfalz e Nordrhein-Westfallen. O feriado cai 60 dias após a páscoa, então se você está em algum desses estados do mapinha acima, maio-junho é um período com 3 feriados um atrás do outro!


15 de Agosto – Ascenção de Maria – Mariä Himmelfahrt

map-bayern

A Ascenção de Maria é comemorada no dia 15 de Agosto, apenas na Bavária – o estado mais católico da Alemanha. Eu não reclamaria de ter esse feriado, porque entre o Pentecostes, que cai em Junho, e o feriado seguinte tem três meses inteiros sem feriados…


3 de Outubro – Dia da Reunificação Alemã – Tag der Deutschen Einheit

map-gesamt

O dia da reunificação alemã é comemorado em 3 de Outubro desde 1990. Curiosamente, primeiro de Janeiro e 3 de Outubro são o único feriado público numa data civil (e não numa data religiosa como todo o resto). É um dia com grandes celebrações que acontecem cada ano em uma cidade. No ano passado foi aqui em Dresden, e eu queria muito ter ido mas bem no dia fui pro hospital – o que também rendeu um post. Mas esse ano escreverei um post sobre o dia da Reunificação.


31 de Outubro – Dia da Reforma Protestante – Reformationstag

map-31-10

No Dia da Reforma Protestante celebra-se a fundação da igreja protestante por Martinho Lutero – que era alemão. Esse feriado é observado, claro, nos estados protestantes da Alemanha. Aqui no post sobre religião eu falei um pouco sobre dessa divisão geográfica da Alemanha entre protestantes e católicos. Esse ano em especial (2017), o feriado do Dia da Reforma Protestante vai valer para a Alemanha inteira porque é o aniversário de 500 anos das teses de Martinho Lutero.


1˚ de Novembro – Todos os Santos – Allerheiligen

map-1-11

E enquanto os estados protestantes comemoram o Dia da Reforma, os estados católicos comemoram, no dia seguinte, o Dia de Todos os Santos.


Quarta-feira anterior ao dia 23 de Novembro – Dia de Arrependimento e Reza – Buß- und Bettag

map-bus-und-bettag

O Dia de Arrependimento e de Reza é um feriado protestante que era, até 1994, observado no país inteiro. O feriado foi abolido por motivos econômicos, exceto aqui no estado da Saxônia, onde o feriado ainda é observado todo ano na quarta-feira anterior ao dia 23 de Novembro. Eu não gostava de feriados em quartas-feiras no Brasil porque não emendavam nem combinavam com o fim-de-semana. Mas aqui os feriados não emendam de qualquer forma, e eu acho é ótimo dividir a semana em duas partes!


25 de Dezembro – Primeiro dia de Natal – Erster Weihnachtstag

map-gesamt

Dia 24 de Dezembro, véspera de Natal, é um dia útil normal. Dia 25 é feriado, e é considerado o Primeiro dia do Natal. Isso porque…


26 de Dezembro – Segundo dia de Natal – Zweiter Weihnachtstag

map-gesamt

… o dia 26 também é feriado, e é chamado de “Segundo dia do Natal”! Acho bom!

Pra resumir, os 9 feriados observados em toda a Alemanha, com datas de 2017:

1˚ de Janeiro (domingo)
14 de Abril de 2017 – Sexta-feira Santa
17 de Abril de 2017 – Segunda-feira de Páscoa
1˚ de Maio – Dia do Trabalho (Segunda-feira)
25 de Maio de 2017 – Ascenção de Jesus (quinta-feira)
3 de Junho de 2017 – Pentecostes (segunda-feira)
3 de Outubro – Reunificação Alemã (terça-feira)
31. de Outubro de 2017 – Dia da Reforma Protestante (válido na Alemanha toda apenas em 2017) (terça-feira)
25 de Dezembro – Primeiro dia de Natal (segunda-feira)
26 de Dezembro – Segundo dia de Natal (terça-feira)

É isso!


(Publicado em 8 de Fevereiro de 2017, 65 dias antes do próximo feriado! 😦 )

 

Männertag – O dia dos homens

Hoje é feriado na Alemanha. A primeira quinta feira 40 dias após da Páscoa é, na religião cristã, o dia da Ascenção, em que Jesus ascendeu ao céu. O Feriado é por causa dessa comemoração, chamada em alemão Christhimmelfahrt. Mas no mesmo dia é também o não oficial Dia dos Homens, ou Männertag em alemão, ou ainda também chamado Dia dos Pais, Vatertag.

A tradição do Männertag já vem de longa data, e, como talvez possa-se imaginar pelo nome “Dia dos Homens”, não é uma data de comemorações fofinhas.

Basicamente a tradição é juntar um grupo de amigos – só homens, claro – e fazer uma caminhada puxando um carrinho de mão cheio de garrafas de cerveja ou vinho dentro. O qual, claro, eles bebem o dia inteiro para ficar tão bêbados quanto humanamente possível. Tanto que os acidentes de tráfego relacionados a alcoolismo aumentam em 3 vezes nesse dia. Que beleza de comemoração!

Steffen Gebhart at en.wikipedia

Em certas partes da Alemanha, o dia é comemorado com mais afinco, como é o caso daqui, Dresden, onde muitos jovens (rapazes) aproveitam o dia para se embebedar loucamente.

Quanto ao fato de ser também o dia dos pais, isso na verdade não importa muito por aqui. Esses dias como dia das mães, dia dos pais, dia das crianças, que no Brasil são híper comemorados, por aqui não têm muito valor, não. Sabe-se que é o dia das mães, ou dia dos pais, mas raramente as mães ou pais ganham presentes ou almoços com a família. Aliás, nem mesmo o dia dos namorados (aqui também comemorado no dia 14 de fevereiro) recebe muita atenção por aqui.

Mas a tradição do Dia dos Homens tem um background. Provavelmente teve início em procissões do dia da Ascenção (segundo o Wikipedia), celebrado desde o século XVIII. Os homens sentavam-se em carrinhos de mão e eram levados para a praça do vilarejo, onde o prefeito dava um presente (um grande presunto) ao homem com o maior número de filhos. O que, convenhamos, é uma tradição bem mais divertida. Mas aos poucos a parte religiosa foi se perdendo e a tradição foi sendo simplificada a um grupo de homens passeando com cerveja e presunto. Tudo bem.


(Publicado em 14 de Maio de 2015)
(PS: vc já curtiu a gente no facebook? Curte lá! Clica aqui nesse logo aqui na coluna da direita, ali em cima do calendário!)

Martinstag

Martinstag, ou Dia de São Martinho, é uma data religiosa comemorada em alguns países da Europa Central e do Norte, incluindo, claro, a Alemanha. A data oficial é dia 11 de Novembro, mas a comemoração referente costuma ocorrer em diferentes datas, de acordo com a conveniência da escola. Escola?

Eu não sei se outras pessoas comemoram o Martinstag por algum motivo qualquer, mas pelo menos por aqui é tipicamente uma festinha do jardim da infância.

Mas espere, antes de mais nada. Quem é esse tal São Martinho? O Lutero? Não, o Martinho em questão é o São Martinho de Tours, conhecido pela história em que ele corta seu casaco na metade para dividi-lo com um mendigo durante uma nevasca.

El_Greco_-_San_Martín_y_el_mendigo

Ele é também conhecido por ser amigo das crianças e padroeiro dos pobres.

Embora seja comemorado pelas escolinhas, não é uma comemoração brega chatinha. É bonitinha porque as crianças saem andando em grupos pela cidade com “lampiões”. Sei lá qual o melhor nome, mas são assim:

Tradicionalmente a procissão das criancinhas é puxada por alguém representando o São Martinho, em um cavalo. Mas acho que não é sempre que a escolinha arranja um cavalo pro evento… E voltando à história da data mais conveniente, como depende um pouco da escola, e a maioria prefere fazer o evento numa sexta-feira para ficar mais fácil para os pais participarem, em diferentes dias de Novembro você vê criancinhas com lampiões andando por aí.

Mas a comemoração não se limita à procissão. A mesma termina em uma fogueira, onde as crianças se juntam e comem o Martinstag Weckmann, um pãozinho em forma de homenzinho com um charuto.

Também faz parte da tradição do dia de São Martinho, comer ganso. Segundo a lenda, para evitar tornar-se bispo, São Martinho teria se escondido em um viveiro de gansos. Mas os gansos cacarejaram (cacarejaram?) e delataram o pobre São Martinho.

Eu nunca vi essa parte, mas de acordo com alguns alemães ocidentais, depois da procissão as crianças vão em grupinhos de porta em porta cantar músicas típicas de São Martinho para ganhar doces. Como cai normalmente no início de novembro, o dia de São Martinho é meio que a tradição alemã “comparável” ao Halloween. (com a diferença de que para ganhar doces as crianças cantam musiquinhas fofas ao invés de ameaçar os adultos com travessuras).

Embora Halloween não seja tradição na Alemanha, aos poucos mais e mais crianças saem com fantasias no dia das bruxas para pedir doces na vizinhança. Não é super comum, mas talvez apareçam um ou dois grupos de monstrinhos e bruxinhas à sua porta dizendo “Süßes oder Saures!”, a versão alemão de Trick or Treat.

Sou mais manter o tal dia de São Martinho, é mais simpático!


(Publicado em 17 de Novembro de 2013)