flora

Flores do Início da Primavera

Eu já escrevi um post sobre a primavera (em uma série de posts sobre as estações do ano na Alemanha), mas sobre a primavera dava pra escrever um blog inteiro.

É uma coisa que não dá pra explicar, quando ela chega parece que todo mundo, mas TODO MUNDO fica de bom humor. Dá pra sentir no ar, as pessoas felizes. Basicamente começa a esquentar e fazer sol e sai todo mundo de casa, então você vai passeando pela cidade e em qualquer pedacinho de grama tem gente sentada tomando sol, fazendo picnic, fazendo churrasco, tomando uma cerveja, brincando com as crianças… Hoje, um sábado sem uma única nuvem no céu, com 23˚C lá fora, tava todo mundo, mas a cidade inteira mesmo, nas ruas, nos parques, nas praças, no rio. Parecia que não tinha uma pessoa dentro de casa.

Outra coisa particular da primavera são as flores. Tá, isso é meio óbvio. Mas no Brasil tem flor o ano todo. Em qualquer época do ano tem uma árvore ou outra que tá florecendo lindona a toda força, mesmo no meio do inverno. Aqui flor é uma coisa da primavera, mesmo. No verão também tem algumas, mas no outono ou inverno nem pensar.

Então eu resolvi escrever um post sobre flores da primavera. Na verdade, flores do início da primavera, que é agora final de março e começo de abril. Antes das folhas aparecerem nas árvores, quando começa a esquentar e o tempo começa a melhorar, algumas flores já aparecem pra te colocar no mood de primavera. E elas estão por todos os lados na cidade.

Vou falar de 6 espécies, três são florzinhas de forração, uma é uma flor de arbustos e três são flores de árvores. Possivelmente lá por maio eu faço um post de flores de fim de primavera.

1  Krokus – Crocus spp.

Essas florzinhas roxas são umas das primeiras que você vai ver no ano. Na verdade tem algumas espécies diferentes, tem com flor branca, também. Mas a mais comum, por aqui é essa roxinha. É uma forração, e quando ela começa a florescer ficam extensos tapetes roxos por aí, todo mundo fica maravilhado fotografando.

2 Osterglocken (Narciso) – Narcissus pseudonarcissus

Em diferentes cores variando entre amarelo, branco e laranja, essa florzinha engraçada você encontra pelos parques mas também para vender como buquê ou em vaso. O bulbo dela é muito parecido com uma cebola, e os alemães chamam essa e outras plantas com bulbos similares de cebolas.

3 Tulpen (Tulipas) – Tulipa spp.

As famosíssimas tulipas existem nas mais variadas cores e combinações de cores, e não é por acaso que estão entre as flores consideradas mais bonitas. Você encontra elas principalmente plantadas em canteiros bem cuidados em locais bem mantidos no centro, e se você prestar atenção no canteiro com certeza vai achar um ou outro cabinho cortado de uma tulipa roubada… Também se acha para vender como buquê em qualquer floricultura, elas são bem fáceis de encontrar.

Quando elas estão redondinhas dá vontade de morder.

4 Forsythia – Forsythia x intermedia

A Forsythia é um arbusto que quando floresce fica todo cheio de florzinhas de um amarelo bem vivo. É muito comum, nessa época do ano você vê várias explosões amarelas por aí. A florzinha sozinha não tem muita graça, mas o arbusto amarelão fica lindo no jardim anunciando a chegada da primavera!

5 Ahorn – Acer spp.

As árvores do gênero acer (Ahorn em alemão, acorn em inglês) são extremamente comuns no hemisfério norte, e muito presentes na cultura dos locais onde elas habitam. É, por exemplo, a árvore cuja folha aparece representada na bandeira do Canadá. Há diferentes espécies, a do Canadá é uma diferente das que são comuns por aqui, mas todas tem esse formato de folha. A flor dela é um verde claro bem vivo, e quando ela começa a florescer, no final de março e começo de abril, dá a impressão de que são as folhas que já estão saindo, já que a flor é verde. (Bom, na verdade normalmente as folhas já começam a aparecer junto com as flores, também, mas ainda bem pequenininhas). São praticamente as primeiras árvores que começam a dar algum sinal de vida depois do inverno.

Ali na foto de cima dá pra ver as folhinhas começando a aparecer, também.

E, para concluir…

6 Kirsche (Cerejeiras) – Prunus spp.

A famosa flor de cerejeira não é comum só no Japão. Aqui elas também decoram a paisagem no início de abril com tons de branco e rosa. Tem diferentes espécies, algumas nativas daqui, outras do Japão e China, e nem todas dão as deliciosas cerejas no verão – algumas são só ornamentais. As que dão cerejas também são comuns e no verão muita gente vende cereja que deu nas árvores do jardim de casa…

Não é a toa que fica todo mundo de bom humor na primavera!


(Publicado em 1˚ de Abril de 2017 (mas é tudo verdade!))

Viscos

Se você tiver visitado a Alemanha durante o inverno, talvez tenha visto e se perguntado o que seriam umas misteriosas “bolas” de folhas em árvores. Assim:

IMG_3238

Chamam-se viscos, ou visgos. Você possivelmente nunca tenha ouvido falar esse nome porque é uma planta de climas temperados, mas talvez já tenha se deparado com o nome em inglês: Mistletoe (em alemão, Mistelzweig).

Visco é uma planta parasita que se desenvolve nos galhos de uma árvore hospedeira, “roubando” água e nutrientes da mesma. Elas são bem comuns por aqui então no inverno, quando as árvores perdem suas folhas, você vê viscos pelos galhos de algumas árvores por aí.

IMG_3237

Na maior parte das vezes o visco, embora parasita, não representa grande perigo para a árvore hospedeira, que sobrevive normalmente. Só em alguns casos quando a “infestação” de viscos for realmente muito severa, quando nem parece que a árvore está sem folhas de tantos viscos nos seus galhos, é que a árvore pode acabar morrendo. E o visco também tem sua própria importância ecológica, servindo no inverno de alimentação para algumas espécies de pássaros, etc.

E por serem vistos só no inverno (já que no verão eles ficam cobertos pelas folhas da árvore), eles acabaram culturalmente associados à essa época, sendo usado por exemplo como decoração de natal pendurada em portas. E é também bem conhecida a tradição de que sob uma decoração de visco, um casal deve se beijar. O que deve ser bem interessante quando se é pré-adolescente, ficar tentando criar situações diversas pra encontrar aquele amor platônico embaixo de uma decoração de visco na época do natal e ter então uma boa desculpa pra um primeiro beijo!


(Publicado em 8 de Novembro de 2015)